sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Pel Caç Nat 60 Guiné - 68/74 - P84: Podia resultar em (tragédia .)





Guiné/S.Domingos ano de 69.
Equipa de minas/armadilhas:
Conpanhia de cavalaria, 2539/69/71.
Pelotão de Caçadores Nativos 60/68/74:
Equipa de minas/armadilhas, a pousar para a fotografia.
Num dos raros momentos de descontração.
Na foto estão alguns dos elementos do pel caç nat 60 e o Ex Alf Mil Paiva da CCAV 2539, 1. ºcabo Seleiro (caçador)do pel caç nat 60 e os dois elementos da (Daimlér).
Podia resultar em tragédia a montagem de um (FORNILHO) no início da picada S.Domingos/Senegal .
Foram necessárias três longas horas .
O fornilho tinha 5 metros de cumprimento as cargas estavam com intervalos de dois metros .
Ocupavam os dois lados da picada .
O total de explosibos, 20 cargas de 500 gramas de (TNT), duas granadas para armadilhas …
Foi aberto um buraco na picada de um lado e do outro com as seguintes dimensões:
Quarenta por 20, as granadas,foram colocadas na horizontal e encaixadas nas paredes do buraco, onde foi introduzida uma pequena ripa de madeira, que estava colocada nas duas argolas das granadas .
O mais difícil ía começar agora…
Era retirar as cavilhas de segurança !
A seguir era só fazer a camoflagem do local do fornilho.
E depois levantar a segurança do pessoal .
Já com todo o mundo a distância, era o momento de eu retirar…
E fazer uma última inspeção ao local do (FORNILHO)…
E depois retirar . No momento em que dei o primeiro passo fiquei sem pinga de (Sangue)… Tinha colocado o pé em cima do fornilho onde estavam as duas granadas, foram momentos dramáticos…
Todo o pessoal olhava para mim !
Já se deram conta de que o fornilho não tinha sido acionado ?
Depois foi tudo uma questão de tempo, e tirar o pé de dentro do buraco .
P.S.
Ha ! Já me esquecia, foram utilizados 20 (Detonadores, )vários metros de cordão detonante .
1.º Cabo Manuel Seleiro (CAÇADOR.)
Pel Caç Nat 60.
Guiné 68/70:
(DFA)

Explosão controlada pela equipa de minas/Armadilhas .



_

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Pel Caç Nat 60 Guiné 68/74 - P83: Dois Batelões no rio Cacheu.

Dois Batelões no rio Cacheu.
Doulce Pontes,
Canção do Mar
Dois batelões junto a a S. Vicente, aguardando que a maré subisse para descarregar.
O Pel Caç Nat 60 ficou a qui toda a noite na margem do rio, a fazer segurança...
Ano de 69 estávamos em Ingoré.
Acontecia que muitas vezes vínhamos de Ingoré a ver se os batelões se encontravam no rio para fazer a dita segurança mas os mesmos não se encontravam por perto.
Acabávamos por passar ali a noite...
E os ditos batelões só chegávam dois ou três dias depois.
Conclusão: falta de (Organização...
Ah! falta de método.
Não é verdáde meus Senhores?
E os batelões aqui á espera, e nós também...
Era a boa organização dos nossos chefes.
...:hein!


1.ºCabo Manuel Seleiro.
Especialidade de (Caçador).
68/70*
(DFA)
_